BrasilNotícias

Faremos Palmares Outra Vez

Por Círculo Palmarino

Por mais 20 de Novembro e menos 13 de Maio!

Historicamente o povo negro tem lutado pela liberdade e o fim do racismo, denunciando como o Brasil tem se estruturado para nos manter no andar de baixo da pirâmide e exigindo ações que enfrentem essa realidade.

É preciso reafirmar nossa resistência em tempos de governos genocidas que reafirmam uma política de morte para nosso povo, que se acumula nas filas da Caixa, sofre a ação violenta da polícia e a ausência de direitos básicos nos becos, vielas e também no campo e quilombos, aprofundando as desigualdades anteriores à pandemia e reforçando o nosso extermínio.

Apenas 132 anos nos separam da Abolição formal da escravidão, que pouco alterou as condições de vida de negros e negras, a nós o Estado destinou as favelas, o hospício e as cadeias, ao impor um projeto de nação baseado na branquitude e no mito da democracia racial que sentimos na pele até hoje.

Hoje é importante dizer que não foi Isabel, para nós a liberdade é uma luta constante e desde Zumbi, Zacimba, Teresa de Benguela, Chico Prego, Negro Cosme, Luiza Mahin, Lucas Dantas, Luis Gama, Tia Ciata, Makota Valdina, Valceni dos Santos, Ilma Viana, Valdecir Gomes, Marielle… seguimos nos aquilombando.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar